Confusão: Comandante dos Guardas Municipais de São José de Ribamar persegue amigos da classe

O Blog Jamys Gualhardo tem acompanhado não é de hoje a SEMTRANS no município de São José de Ribamar, na última semana segundo fontes , o comandante da guarda usou o cargo para possível perseguição aos amigos da classe .

Fomos procurados por dois guardas relatando problemas sérios de perseguição, como diz o ditado “ Quer conhecer homem , lhe der poder “.

No primeiro caso , um guarda procurou sua secretaria na intenção de realizar horas extras em virtude de problemas financeiros que estão afetando sua família , mas foi repreendido com palavras que nem cabe proferir aqui . Acontece, que o guarda sofre com problemas de depressão e culminou em uma crise ainda maior como consta em documentos anexos , mais grave ainda foi a humilhação que teria passado na frente dos colegas de serviço como consta em Boletim de Ocorrência aberto pela parte .

Outro caso , tão importante quanto , foi a troca de posto( local de trabalho) de outro guarda pelo simples fato dele ter levado uma chave( de uma porta do serviço ) dentro do colete à prova de bala , isso mesmo ! Pelo fato dele ter levado sem intenção à chave , o comandante teria o trocado de posto, pela simples ação de punir .

Agora cabe a pergunta , a quem cabe fiscalizar as ações do comandante? Ou será que ele permanecerá agindo assim sem nenhuma intervenção da secretaria ou do prefeito ?

Vale deixar aqui uma lembrança da nova lei de abuso de autoridade, que uma vez comprovada , os danos são irreversíveis.

Caso haja discordâncias das alegações acima, o espaço está aberto ao comandante.

Guarda precisou ser afastado pelo fato ocorrido de humilhação
Comentários