Jovem maranhense é eleita para Executiva Nacional do PT

A posse da nova gestão contou com a presença do ex-ministro da Educação, Fernando Haddad e dos ex-presidentes Lula e Dilma

 Priscila Petrus  18 de janeiro de 2020 0 37 

A bacharela em Direito, Cricielle Muniz, foi eleita na última sexta (17) como membro da Executiva Nacional do Partido dos Trabalhadores.

É a primeira maranhense a ocupar esse cargo e sua chegada ao mais alto nível diretivo do PT está cheio de significados. Cricielle é negra, evangélica, provém da periferia de São Luís e foi beneficiada por políticas públicas pensadas por esse partido.Anúncios

A eleição se deu no curso da primeira reunião do Diretório Nacional do PT em São Paulo, após o Congresso do partido, ocorrido em Novembro de 2019 no qual reelegeu Gleisi Hoffmann para presidência nacional da sigla.

A posse da nova gestão contou com a presença do ex-ministro da Educação, Fernando Haddad e dos ex-presidentes Lula e Dilma.

Do Diretório Nacional, fazem parte cinco maranhenses (Luiz Henrique, Patrícia Carlos, Ricardo Ferro, deputado Zé Inácio, além de Cricielle) mas só ela teve seu nome incluído na Executiva Nacional.

Ela é da corrente local Articulação/CNB e falando sobre sua nova tarefa, Cricielle disse que “após um longo período em que o PT do Maranhão não conseguia ser ouvido no mais alto foro partidário, temos agora na Executiva Nacional uma mulher negra, oriunda de uma comunidade periférica e fruto da opção política que o Partido dos Trabalhadores fez em relação à Educação brasileira”.

O mandato da Executiva eleita hoje vai até o final de 2023.

Do blog: Ithamargarethcorreia.com

Comentários