Raposa: Pré-candidata a vereadora diz que vai doar parte do salário , caso eleita

Patrícia Souza, 26 anos, funcionária dos Correios (concursada) filha de gente pobre, pai pescador e mãe faxineira, sabe o quanto a falta da política social afeta o povo pobre da Raposa.

Em suas postagens nas redes sociais, Patricia Souza do PSL, diz que não acha justo que os pobres sejam explorados pelos políticos locais, que se dizem preocupados com o ‘social’ mas na pratica esquecem aquilo que dizem ser, vivendo de riquezas, ostentando padrão de vida alto enquanto o povo passa privações.

 “Minha meta é: ajudar pessoas, desenvolver a cidade e trabalhar pelo ordenamento turístico.

Acredito em boa política. Em 2020, abrirei mão de parte de meu salário e benefícios do cargo de vereadora, caso eleita, farei esse compromisso assinado em cartório, pois vejo que os daqui, que prometiam fazer a mudança para melhor, falharam e pioraram nossa cidade. Quero trabalhar para o povo por amor às causas sociais”.

Fonte : Ricardo Santos

Comentários