Médicos podem parar a qualquer momento no Maranhão por salários atrasados

O Sindicato dos Médicos do Estado do Maranhão (Sindmed-MA) e o Conselho Regional de Medicina do Maranhão (CRM-MA) não estão nada satisfeitos com o governador Flávio Dino (PCdoB).

As duas entidades representativas dos médicos maranhenses convocaram pra a próxima quarta-feira, 31, assembleia geral extraordinária para discutir demandas da categoria.

Dentre os problemas, atraso de pagamentos dos profissionais que prestam serviço para o Estado. Uma das possibilidades é paralisar procedimentos eletivos e consultas como forma de pressão.

Fonte : Gilberto Léda

Comentários