Alô Tiago Fernandes: Paciente denuncia falta de profissionais e gesso em SJR

Quem precisa usar o sistema público de saúde em São José de Ribamar tem se deparado com descaso e precariedade, é o que denunciam internautas ribamarenses em redes sociais e grupos de whatsApp.

De acordo com um paciente que precisou engessar o pé neste sábado, 22, ao chegar ao Hospital de São José de Ribamar, foi informado de que não tinha gesso nem profissional para realizar os procedimentos.

“Fui no hospital daqui de Ribamar hoje a noite, e me deparei com a situação de precisar ter que engessar o pé, devido uma pequena fratura em dois dedos, e na hora não tem gesso e muito menos um profissional para fazer o serviço. Tomei um remédio e agora to curtindo uma dor de leve aqui em casa. Infelizmente é a realidade.” Lamentou Rômulo Raphael em seu perfil no facebook.

Ao ser postado em um grupo da cidade, onde tem como participantes, além de diversos vereadores, o assessor de comunicação, o secretário de saúde, e o vice-prefeito, e ninguém se defendeu ou justificou o ocorrido, outra ribamarense narrou situação similar.

“Depois das 17hs se o paciente precisar engessar ele tem que ir pro Socorrão, ou aguardar o outro dia. Digo porque precisei e foi assim que me passaram a informação.” Disse uma das participantes.

A situação vem a tona, dias depois do blogueiro Jammys Gualhardo revelar com exclusividade que o Ministério Público denunciou um médico por exercício ilegal da profissão e aborto, que culminou na morte de uma criança no dia 15 de fevereiro deste ano. O caso foi abafado pela prefeitura na época do ocorrido.

Outras denúncias chegaram à nossa redação, revelando que usuários de diversas Unidades Básicas de Saúde, são obrigados a enfrentar filas de madrugada na tentativa de realizar exames, mas apenas 30 exames por mês são autorizados pela Secretaria de Saúde, o que não supre as necessidades das comunidades mais carentes.

A Saúde em São José de Ribamar é comandada pelo sobrinho do Deputado Federal Pedro Fernandes, o advogado Thiago Fernandes, ex-secretário do Governo Roseana Sarney, e faz parte de acordo político feito pelo prefeito Luís Fernando Moura da Silva (PSDB), durante a campanha.

Comentários